Academia do Ecommerce - Vender na Internet Ficou Fácil!

Ads

PASSO A PASSO COMPLETO PARA VENDER NO FACEBOOK MARKETPLACE!

Veja um tutorial completo que fará você vender seus produtos hoje mesmo através do Facebook!

Por Paulo Octávio dia em Marketplaces

PASSO A PASSO COMPLETO PARA VENDER NO FACEBOOK MARKETPLACE!
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Benefícios do Marketplace do Facebook

Com a criação do Marketplace do Facebook, qualquer pessoa pode vender um produto facilmente, seja alguém querendo se desfazer de um material usado, ou empreendedores em busca de divulgação dos seus materiais.

A plataforma possui alguns benefícios simples, mas que podem ser cruciais para aumentar as suas vendas e o lucro ao final do mês.

  • Sem burocracia! Qualquer pessoa com uma conta do Facebook pode divulgar seus produtos no marketplace do site.
  • Criação rápida de anúncios. Em menos de 5 minutos você poderá ter seu produto divulgado e pronto para venda.
  • Comunicação direta com o perfil pessoal dos clientes. As mensagens do marketplace do Facebook são feitas através do Messenger, o que possui um relacionamento mais próximo com seus clientes, com rápida troca de respostas.
  • Menor concorrência. Na busca do marketplace, cada cliente pode escolher a localização do anúncio, assim como faixa de preço, o que reduz a concorrência de anúncios que aparecerão para ele após a pesquisa.

Como vender no Facebook Marketplace

  1. Acesse a página principal do marketplace clicando aqui.

  2. No lado esquerdo da página você verá um botão azul, “+ Vender um item”. Clique.

  3. Na primeira caixa, digite o nome do seu produto, com termos relevantes que farão ele ser encontrado pelo público! Utilize o planejador de palavras-chave do Google para descobrir quais as melhores opções de título.

  4. Informe o preço aplicado em seu material.

  5. Selecione a categoria adequada onde seu produto se encaixa.

  6. Faça uma descrição completa do que está vendendo! Informe tamanho, peso, cores disponíveis, materiais utilizados e sugestões de uso. Durante a produção da descrição, trabalhe também palavras-chave relacionadas ao seu produto, que ajudaram seus clientes a encontrarem o seu anúncio.

  7. Escolha até 10 fotos de alta qualidade, que chamem atenção! Precisam estar em alta resolução (pelo menos 1000 x 1000 pixels), com iluminação boa, bem focadas, e que de preferência mostrem todos os ângulos, cores disponíveis e o produto em funcionamento ou utilização.

  8. Clique em “Avançar” e pronto! Seu anúncio já estará ativo na rede social.

É importante que você siga todas as dicas que mencionei acima, para que seu anúncio seja relevante, seja encontrado e chame a atenção do seu público-alvo.

Milhares de pessoas navegam pelo marketplace diariamente, então é uma incrível forma de venda, completamente gratuita e que deve ter seu funcionamento maximizado para que você consiga alcançar bons lucros!

Se você deseja ser uma pessoa que vende mais e melhor, nós temos outras dicas que você pode seguir! Aprenda a potencializar suas vendas online através do marketing digital.

Você poderá aplicar essas técnicas no Facebook, Instagram e WhatsApp. Confira o passo a passo agora mesmo clicando aqui!

Bling! Melhor Emissor de Notas Fiscais Eletrônica

Clique no banner acima para saiber mais!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para PASSO A PASSO COMPLETO PARA VENDER NO FACEBOOK MARKETPLACE!

Enviando Comentário Fechar :/
VENDER NOS MARKETPLACES COM MEI OU CPF?

VENDER NOS MARKETPLACES COM MEI OU CPF?

Há algumas dúvidas em torno do cadastro para pessoas físicas e jurídicas em Marketplaces, e quais são os que cobram como requisito ter o cadastro de Microempreendedor Individual.

COMO DIMINUIR O CUSTO DO FRETE PARA PRODUTOS GRANDES

COMO DIMINUIR O CUSTO DO FRETE PARA PRODUTOS GRANDES

Empreendedores que pretendem vender produtos que passam do limite de tamanho (largura e altura), estabelecidos pelos correios e outras transportadoras, devem trocar de tipo de produto ou tem uma solução melhor para este caso?